em

Hospital da Mulher é referência em saúde na Bahia

A unidade atende os 417 municípios baianos na promoção da saúde da mulher e possui serviço itinerante para rastreamento do câncer de mama e de colo do útero em todo o território baiano

TRABALHO ACADÊMICO – NOTA: 98

O Hospital da Mulher (HM), localizado em Salvador, na Bahia é considerado a maior unidade especializada no atendimento à saúde da mulher do Norte-Nordeste do Brasil e referência em saúde pública. De acordo com a Sesab (Secretaria da Saúde do Estado da Bahia), desde sua fundação em 2017, já realizou cerca de 650 mil atendimentos e 27 mil cirurgias.

Com 136 leitos, sendo clínica médica, clínicas cirúrgicas e UTIs, a unidade atende exclusivamente o público feminino, a maioria do interior do estado, um total de 60% que antes não tinham o atendimento adequado nas emergências municipais, dificultando o diagnóstico e tratamento como é o caso das pequenas cidades divididas entre núcleos regionais, onde a cidade base com hospitais de grande porte, na maioria das vezes sem leitos, recebem as pacientes das demais cidades pertencentes ao núcleo.

O segundo maior hospital do Brasil especializado em saúde da mulher e maior do Norte-Nordeste (Foto: Alberto Coutinho/GOVBA)
O segundo maior hospital do Brasil especializado em saúde da mulher e maior do Norte-Nordeste (Foto: Alberto Coutinho/GOVBA)

Com o HM, a mulher passou a ser beneficiada com exclusividade no atendimento, garantindo diagnóstico e tratamento precoce, além de outros serviços como o AME que atende mulheres, adolescentes e trans, a partir de 12 anos de idade, que foram expostas a abuso sexual. O atendimento é por meio de agendamento, bastando apenas procurar a secretaria municipal de saúde, para então ser encaminhada para Salvador. Já o AME não precisa de agendamento e funciona 24 horas por dia.

Para a coordenadora do serviço, Lorena Marchesini, “o AME é um desafio por si só, porque sexo ainda é tabu na sociedade e a violência sexual ainda mais. Somos uma equipe multidisciplinar, estamos e temos que estar sempre em sincronia, pelo bem da paciente com escuta diferenciada e especializada, ajudando essas mulheres a superar essa fase”, destaca.

O serviço AME funciona 24 horas. Na foto: adolescente sendo atendida por psicóloga durante o Carnaval 2019 (Foto: Paula Fróes/GOVBA)
O serviço AME funciona 24 horas. Na foto: adolescente sendo atendida por psicóloga durante o Carnaval 2019 (Foto: Paula Fróes/GOVBA)

A mulher ainda conta com serviços itinerantes, Saúde Sem Fronteiras, Mutirão de Cirurgias e Unidade Móvel, que percorrem o território baiano com o objetivo de reduzir as filas de espera nos hospitais, mediante solicitação das prefeituras. O Mutirão de Cirurgias atende homens e mulheres que estão na lista de espera do SUS para procedimentos cirúrgicos.

*Barreiras é a cidade referência no Oeste da Bahia, com Hospitais de Grande Porte, atende as cidades da Região de Saúde, do Oeste, do Vale do São Francisco e casos específicos dos estados: Piauí, Maranhão, Goiás e Tocantins. Divisão de núcleos regionais e região de saúde - fonte: Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) Créditos: Adamy Gianinni
*Barreiras é a cidade referência no Oeste da Bahia, com Hospitais de Grande Porte, atende as cidades da Região de Saúde, do Oeste, do Vale do São Francisco e casos específicos dos estados: Piauí, Maranhão, Goiás e Tocantins.
Divisão de núcleos regionais e região de saúde – fonte: Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) – Créditos: Adamy Gianinni

Unidade Móvel do Hospital da Mulher facilita a prevenção e o combate do câncer de mama e de colo do útero

Hospital da Mulher Móvel atendendo cidade do interior do estado (Foto: Gustavo Urpia/ Divulgação)
Hospital da Mulher Móvel atendendo cidade do interior do estado (Foto: Gustavo Urpia/ Divulgação)

A taxa de mortalidade de câncer de mama no Brasil é baixa, totalizando 16,6 casos por 100 mil mulheres em 2018 (dados de projeção da população feminina segundo Unidade da Federação), porém a taxa de incidência é alta, mas o diagnóstico na fase inicial garante um tratamento mais eficaz e é esse o objetivo da Unidade Móvel do Hospital da Mulher.

Equipada com dois consultórios ginecológicos e um mamógrafo, percorre os 417 municípios baianos realizando o preventivo entre mulheres de 25 a 64 anos e mamografia entre mulheres de 40 a 69 anos, atendendo até 160 preventivos e 70 mamografias por dia e já atendeu 50.474 mulheres entre 2017 a 2019.

“Muitas mulheres que foram e estão sendo contempladas por esse serviço itinerante nunca fizeram um preventivo ou mamografia antes”, afirma Lamartiny Gonçalves, gerente de enfermagem do HM.

Adamy Gianinni

Jornalista, empresário, blogueiro, fotógrafo, universitário, profissional de TI e Flamenguista ❤. Apaixonado por mídia, fotografia e tecnologia, CEO da Seutec Inc. e editor-chefe da Folha Geral.
contato@adamy.jor.br / adamy@folhageral.com.br

Deixe sua opinião

O senador Flávio Bolsonaro durante sessão que aprovou MP que autoriza a participação de até 100% de capital estrangeiro em companhias aéreas brasileiras (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Justiça censura a Globo

(Montagem/Adamy Gianinni)

Análise crítica da repercussão nacional do atentado contra o prefeito de Tabocas do Brejo Velho